Weby shortcut
topo2

PUBLICAÇÕES

Atualizado em 19/11/14 09:31.

Com o intuito de estabelecer maiores vínculos entre a Série Violência em Manchete e o meio universitário, o Movimento Nacional de Direitos Humanos (MNDH) iniciou, no segundo semestre de 1998, vários contatos com universidades brasileiras. Em decorrência disso, o segundo volume da série trouxe os selos das editoras da Universidade de Brasília (UnB) e da Universidade Federal de Goiás (UFG) como parceiras editoriais. O convênio entre o MNDH e a UFG teve como interveniente o Programa de Direitos Humanos da UFG (PDH/UFG). Dessa parceria resultaram as seguintes publicações da série: 

  • Homicídios e Trabalho no Brasil - Homicídios e relações raciais no Brasil

Volume 3

Coedição: Editora UFG e EDU

Lançamento Nacional: 2000

Tiragem: 3000 exemplares

 

  • Intolerância Zero? -Homicídios e Polícia no Brasil

Volume 4

Coedição: Editora UFG e EDU

Lançamento Nacional: 2000

Tiragem: 3000 exemplares

 

A parceria entre MNDH e PDH/UFG também resultou nesta publicação em função da celebração dos cinquenta anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos: 

  • 50 anos depois - Relações raciais e grupos socialmente segregados

Coedição: MNDH e Editora UFG

Tiragem: 2000 exemplares

 

Publicação resultante dos trabalhos dos professores e dos alunos que mais se destacaram no curso de extensão “Direitos Humanos e Cotidiano” do PDH/UFG: 

  • Direitos Humanos e Cotidiano

Goiânia. PDH/UFG, SEDH/PR e UNESCO

Editora: Bandeirantes, 2001

Organizadores: Ricardo Barbosa de Lima, Pedro Sérgio dos Santos,

Magno Medeiros e Luis Goya

 

Devido à intensificação da demanda por publicações originadas de atividades de extensão e pesquisa, foi criado em 2007 um Conselho Editorial com o fito de garantir um alto padrão acadêmico e editorial das mesmas. A criação do Conselho Editorial se deu em conjunto com a Fundação de Apoio a Pesquisa na UFG (FUNAPE), com a participação da Gráfica e Editora da UFG, para avaliação externa, e por pares da produção bibliográfica do NDH. Somente 5 conselheiros (30%) são professores da casa e 3 destes (20%) têm vinculo com o NDH-UFG. 

A indexação dos livros da Coleção NDH é feita pela FUNAPE/UFG. 

O Conselho Editorial é presidido pela profª Dra. Vilma de Fátima Machado (NDH/UFG) e composto por 15 pesquisadores nacionais e internacionais:

  • Arthur Trindade Costa (UnB)
  • Alex Ratts (UFG)
  • Arnaldo Bastos Neto (UFG)
  • Eduardo Bittar (USP)
  • Enrique Leff (UNAM - México)
  • José Querino Neto (UFG)
  • Lúcia de F. Guerra Ferreira (UFPB)
  • Luiz Mello (UFG)
  • Magno Medeiros (UFG)
  • Manoel de Souza e Silva (UNILAB, CE, Brasil)
  • María Luisa Eschenhagen (Externado - Colômbia);
  • Paulo Carbonari (IFIBE e MNDH)
  • Regina S. de Sousa (PUC-GO)
  • Miriam P. Grossi (UFSC)

 

Assim, as publicações abaixo listadas já apresentam esse tratamento de avaliação por pares com qualificação nacional e internacional: 

  • Políticas para a promoção da igualdade racial no Brasil: o papel da SEPPIR. ROSSO, S. D. (Sadi Dal Rosso). (Org.). 1 ed. Goiânia: Editora UFG/FUNAPE/PDH/UFG, 2009. 
  • Sociologia e educação em direitos humanos. (OLIVEIRA, D. D. (Org.) ; FREITAS, R. A. (Org.) ; TOSTA, T. L. D. (Org.)1. ed. Goiânia: PDH/UFG/FUNAPE, 2010. v. 1. 182 p.), 2010.

 

Cabe ainda relacionar a organização das seguintes obras, aprovadas pelo Conselho Editorial do NDH, em fase de finalização dos trabalhos de editoração e/ou gráficos: 

  • E-book: publicação on-line, no site do Grupo de Estudos da Democracia (WWW.grupodemocracia.com), das palestras proferidas no VII Seminário:Pensar os direitos humanos– desafios da educação nas sociedades democráticas. Destaque para a palestra de abertura proferida pelo Prof. Costas Douzinas (Birkbeck Institut of Humanities, University of London): Paradoxos dos Direitos Humanos, assim como de comunicações apresentadas nos Grupos de Trabalho. Organização: Helena Esser e Carmelita Brito de Freitas Felício. Previsão inicial de lançamento: dezembro de 2012; 
  • Livro: Educação em direitos humanos. Ed. Goiânia: PDH/UFG/FUNAPE, v. 2. 220, 2011. Produto do Projeto “Estruturação e Fortalecimento do Comitê Estadual em Educação em Direitos Humanos do Estado de Goiás (CEEDH)”. Organização: Douglas Pinheiro. Previsão inicial de lançamento: dezembro de 2012; 
  • Livro: Memória da luta por Direitos Humanos no Estado de Goiás: o movimento LGBTT e o movimento ambientalista. Ed. Goiânia: PDH/UFG/FUNAPE, 2011. v. 3. 300, 2011. Produto do projeto de pesquisa “Memória da Luta por Direitos Humanos em Goiás: o movimento ambientalista e o movimento GLBTT”. Financiamento: FAPEG. Organização: Vilma de Fátima Machado.  Previsão inicial de lançamento: dezembro de 2012;

 

 Também foram publicados os seguintes materiais sonoros: 

  • Em 1999, foi produzido pelo PDH/UFG o programa radiofônico “O advogado responde”, que contou com a participação de professores e estudantes da área do direito, em uma série de programas veiculados por rádios AM e FM do Estado de Goiás no atendimento direto às solicitações de esclarecimentos ou denúncias dos ouvintes. 
  • Em 2011 o Núcleo de Direitos Humanos lançou a Série de Programas – Diversidade, Direitos Humanos e Cidadania. Essa iniciativa surgiu a partir de um curso com o mesmo título oferecido em 2006 pelo PDH/UFG. Esses programas de rádio foram criados para servir como mais uma ferramenta para que professoras (es), ativistas, produtoras (es) culturais, pesquisadoras (es) e estudantes pudessem ter acesso a uma abordagem introdutória sobre direitos humanos. Para tornar a experiência o mais agradável possível, foram utilizados recursos como entrevistas, dramatizações, declamações, locutoras (es) e uma plateia de auditório.
Listar Todas Voltar